Motorista que teve carro esmagado por caminhões na Carvalho Pinto morre em Avaré

Luis Carlos Luciano
Luis Carlos Luciano Polícia
Laudelino Lopes, de Arandu, não resistiu aos ferimentos e veio à óbito na noite de terça-feira

Laudelino Lopes, 53 anos, natural de Arandu, teve o carro esmagado por dois caminhões na ponte Carvalho pinto em Avaré, na tarde de ontem, terça-feira e foi encaminhado gravemente ao Pronto Socorro Municipal de Avaré onde, na noite do mesmo dia, não resistiu aos ferimentos e veio à falecer.

Seu sepultamento será nesta quarta-feira, dia 03, no Cemitério Municipal de Arandu.

O acidente:

O acidente ocorreu na tarde do dia 02 de julho, na Ponte Carvalho Pinto, onde, de acordo com informações do Corpo de Bombeiros, um caminhão teria parado no trecho por causa da operação ‘Pare e siga” realizada devido a execução de obras no local, sendo que o motorista do carro, Laudelino Lopes não conseguiu frear e bateu na traseira do mesmo.

Na sequência, um outro caminhão que vinha atrás acabou colidindo com o carro, deixando Laudelino preso entre as ferragens.

Os motoristas dos caminhões não se feriram.

Em seis dias, quatro mortes são registradas na SP 255

Apesar da duplicação do trecho urbano, a Rodovia João Mellão (SP-255) vai recuperando o estigma de Rodovia da Morte. Em um curto período de seis dias, três acidentes foram registrados, contabilizando quatro óbitos.

Na manhã de quarta-feira, 26 de junho, o casal Irecê Bravo Nogueira e Eunice Biral Nogueira, de 76 anos, morreu em um acidente entre uma caminhonete e um caminhão próximo ao quilômetro 248 da Rodovia João Mellão (SP-255).

Segundo o Corpo de Bombeiros, os veículos trafegavam no mesmo sentido, quando o motorista da caminhonete cruzou a pista para entrar em um posto de combustíveis (Posto Titan).

Ainda de acordo com os bombeiros, a caminhonete foi atingida na lateral pelo caminhão. O casal que estava no veículo com placas de Botucatu, não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. Já o caminhoneiro, da cidade de Iacanga-SP, não se machucou.

Posteriormente a esse acidente, Damião Vicente da Silva, de 53 anos, morreu na tarde de quinta-feira (27) após ser atropelado por uma caminhonete na Rodovia João Mellão. Ele trabalhava na obra de recuperação de um trecho da rodovia e foi atingido quando estava retirando as placas de sinalização próximo ao quilômetro 274.

Ainda conforme informações da polícia, o motorista da caminhonete parou para prestar socorro e informou à equipe que o homem tentou atravessar uma das faixas, porém não conseguiu frear a tempo. Foi realizado o teste do bafômetro, porém nada foi constatado. O motorista responderá em liberdade.

Já na tarde de terça-feira (2 de julho), um acidente envolvendo dois caminhões e um carro no quilômetro 278 da Rodovia João Mellão (SP-255), na ponte Carvalho Pinto, ceifou a vida de Laudelino Lopes, morador de Arandu. Devido ao impacto, o carro ficou totalmente destruído.