Ex-prefeito de Itapeva é condenado por improbidade administrativa

Redação
Redação Região
Ex-prefeito de Itapeva (SP), Roberto Comeron

O ex-prefeito de Itapeva (SP), Roberto Comeron, foi condenado em primeira instância por improbidade administrativa.

De acordo com o processo, durante o mandato de 2013 a 2016, o ex-prefeito reintegrou dois servidores que tinham sido exonerados dos cargos na administração anterior.

Na sentença, o juiz determinou a suspensão dos direitos políticos por três anos, perda da função pública, caso esteja exercendo, além do pagamento de multa e proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou de créditos, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica, pelo prazo de três anos.

O advogado do ex-prefeito disse que vai entrar com recurso no Tribunal de Justiça.