AF Automóveis

Região Turística Angra Doce Paulista é destaque no Hiper Feirão de Viagens

Redação
Redação Região
Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo com os interlocutores dos municípios turísticos que participaram da Feira

Representantes da Secretaria de Turismo (SETUR) e da Região Turística Angra Doce Paulista, participaram do Hiper Feirão de Viagens Flytour, em Santos, fomentando o Circuito Angra Doce e divulgando as belezas naturais das 14 cidades que o compõe a Região Turística Angra Doce Paulista, entre elas Itaporanga.

Com quatro décadas de experiência, o Grupo Flytour é o líder em emissões de bilhetes aéreos da América Latina e a maior agência de business travel do Brasil. São mais de 2.600 colaboradores em mais de 220 unidades de negócios. A solidez e credibilidade deste Grupo conta ainda com o reconhecimento das maiores companhias aéreas e principais redes hoteleiras, somando em 2010 mais de 7,5 milhões de trechos aéreos e 1,8 milhão de diárias utilizadas em business travel. Com toda a experiência, a Flytour Viagens negocia com as melhores cias aéreas, hotéis, receptivos, locadoras, companhias marítimas e restaurantes para garantir as melhores ofertas de produtos.

Segundo Aline Oliveira, uma das codiretoras da Região Angra Doce Paulista, foi a primeira vez que a Região participou de uma feira deste tipo: “Foi uma experiência nova promover nosso Circuito nesta feira, falamos um pouquinho de cada uma das 14 cidades banhadas pelo Rio Paranapanema e com isso tivemos muitos interessados, além de segmentar essas cidades por diretorias. Nossa beleza é única e nossos municípios estão promovendo o Circuito com muita qualidade e trabalhando integralmente para que possamos alcançar um desenvolvimento sustentável e integrado, nossa circuito inicial contempla mais de 4 cidades, como Ipaussu e Timburi, que tem suas belezas naturais em destaque, com ótima infraestrutura e receptivo ativo, além de Piraju e Itaporanga que também tem suas riquezas naturais, além das rotas culturais e de negócios que estamos provendo com as demais cidades. Temos a certeza que para a próxima feira, que será em Campinas, seremos ainda mais receptivos, por estarmos mais próximos logisticamente do cliente final”.

Para a também codiretora, Maria Luiza, o desenvolvimento turístico só tem a crescer “Um dos nossos maiores atrativos é Piraju, que tem os últimos 7 km de extensão do rio Paranapanema vivo, ou seja, não represado, nosso diferencial é justamente esse, nossas atividades de ecoturismo e esporte nas aguas são os mais completos do Estado, fato este que faz a cidade de Piraju tenha mais de 15 anos de história com a canoagem e a federação brasileira, além de outras federações, pois temos a melhor pista de canoagem slalon natural do país e acredito que no próximo feirão, em Campinas, atrairemos ainda mais hospedes, por se tratar de uma região mais próxima do nosso Circuito”, contou.

Quanto às expectativas para o turismo cultural, Cassiano Godoi, codiretor de cultura e Secretário Municipal de Turismo e Cultura de Itaporanga, cita que são as melhores possíveis. “Tivemos uma amostra inestimável de pessoas querendo saber um pouco mais sobre a cidade de Itaporanga, que tem a 2ª maior Abadia do Brasil e a 3ª da América Latina, a Abadia Cisterciense de Nossa Senhora de Santa Cruz, além de grutas, cavernas, paredões de pedra e da aldeia Tekoa Porã que tem 11 anos de existência e está aberta à visitação de turistas, como já vem recebendo esses visitantes vindos de toda região e até de outros estados, a fim de conhecer um pouco mais da Cultura e vivência dos índios. Além do Contato direto com a aldeia, o artesanato local produzido por eles é rico em cores, raízes e tipos de sementes. Também podem ser encontrados vários tipos de ervas medicinais com a orientação do Cacique Darã, especialista no manejo dessas ervas”, finalizou.

São Paulo é o estado mais populoso do país, com mais de 45 milhões de habitantes e mais de 640 cidades. Mesmo assim, só é popular pela capital, maior metrópole do país, polo econômico brasileiro de largas avenidas, repletas de comércio e sombreadas por altos edifícios, o que poucos sabem é que desde a década de 40 o estado tem diversas cidades denominadas Estâncias Turísticas e Municípios de Interesse Turístico, porém muitas ainda não receberam o status que merecem pelo esforço e pelos atrativos que oferecem.

“Queremos o estado ganhando a visibilidade que merece e atraindo os diversos públicos que pode alcançar, sejam casais para roteiros românticos, famílias para roteiros rurais, jovens para roteiros de aventura, turismo de pesca e tantas outras opções”, comenta Bianca Colepicolo, Secretária Adjunta de Turismo do Estado de São Paulo. “A participação da Secretaria de Turismo no Feirão representa um passo importante nesse sentido”, finaliza a secretária.